Sexta-feira | 02 de junho de 2017

Instituto de Letras da UFF

Blocos B e C

 

9h – 10h 30min SESSÕES DE COMUNICAÇÕES SIMULTÂNEAS

 

Mesa 1 – GESTOS DE VANGUARDA | Sala 203 C

Victor Azevedo (UFRJ): Nuno Júdice e o prolongamento das estratégias vanguardistas

Luciana Morais da Silva (UERJ/Universidade de Coimbra): Dois coronéis e muita crítica: a vanguarda revisitada

Mariana Marques de Oliveira (UFRJ): Ecos do legado vanguardista em Vergílio Ferreira

Coordenação: MARIANA CUSTÓDIO

 

Mesa 2 – FUTURISMO EM QUESTÃO | Sala 205 C

Alex Alves Fogal (CEFET-MG): Vanguardismo, formalismo e revolução: a questão do futurismo na Rússia

André Luiz do Amaral (UNESP/SJRP): Futurismo e experimentalismo: continuidade e rupturas

Roberta A. P. de Figueiredo Ferraz (USP): A saudade de automóvel: Teixeira de Pascoaes e o Futurismo

Coordenação: VIVIANE VASCONCELOS

 

Mesa 3 – EXERCÍCIOS DE VANGUARDA | Sala 214 C

Lucia Maria Moutinho Ribeiro (Unirio): Modernidade e Tradição em António Nobre

Cristina Susigan (UPM): Arte, ação e vida: 100 anos de Amadeo de Souza Cardoso

Antonio Cidade (UFRJ): Mário de Sá-Carneiro e A Confissão de Lúcio: o sujeito na vanguarda do vir a ser

Coordenação: TATIANA PEQUENO

 

Mesa 4 – POESIA DE VANGUARDA | Sala 301 C

Tamy de Macedo (UFF): Do jogo infantil à poesia: collage na poesia de Rui Pires Cabral

Morgana Rech (UFRJ): Alberto Pimenta e a estratégia da inexistência como modo de existir

Camila Franquini Pereira (UFRJ): A luz e o homoerotismo: entre Sá-Carneiro e Luís Miguel Nava

Coordenação: PEDRO SANTA MARÍA

 

Mesa 5 – FUTURISMO E MODERNIDADE | Sala 305 C

Luiz Guilherme Barbosa (CPII): O leitor, a dobra: o poema e a leitura no texto neoconcreto

Bárbara Del Rio Araújo (UFMG/CEFET-MG): A tendência impressionista em Canaã de Graça Aranha

Valci Vieira dos Santos (UNEB): A veia vanguardista de Jorge de Lima na cena literária de Viriato da Cruz

Coordenação: EDUARDO COELHO

 

Mesa 6 – ESCRITAS DE VANGUARDA | Sala 309 C

Paulo Ricardo Braz de Sousa (UFF): Na vanguarda da artilharia ou quando Os Lusíadas inventaram o futuro da poesia portuguesa

Leonel Isac Maduro Velloso (UFRJ): A ‘metonímia punctual’ em Um falcão no punho, de Maria Gabriela Llansol

Jorge Eduardo Magalhães (UFF): Tecnologia e comunicação no teatro de Augusto Abelaira

Coordenação: LUÍS MAFFEI

 

Mesa 7 – DADAÍSMO E SURREALISMO | Sala 401 C

Marlon Augusto Barbosa (UFRJ): A decomposição do surrealismo: Cesariny e o informe corpo da tradição

Julia Pinheiro Gomes (UFRJ): ‘A poesia faz-se olhos e ouvidos’: o surrealismo português segundo Mário Cesariny

Danilo Diógenes Mataveli da Silva (UFRJ): Dadaísmo ou a último instantâneo da zoeira europeia

Sergio Novo (UFRJ): Uma vanguarda chamada Arcimboldo

Coordenação: LUCIANA SALLES

 

Mesa 8 – GESTOS DE VANGUARDA NA CONTEMPORANEIDADE | Sala 407 C

Patrícia Simões Araujo (UFRJ): Boa noite, Senhor Soares: do desassossego solitário à aventura do amor

Licia Rebelo de Oliveira Matos (UFRJ): A vida como experiência e ficção em Os memoráveis, de Lídia Jorge

Déborah Simões Colares Raposo (UFF): Ressonâncias do movimento surrealista em A eternidade do desejo de Inês Pedrosa

Coordenação: MADALENA VAZ PINTO

 

Mesa 9 – OS MODOS DA VANGUARDA | Sala 409 C

Marcelo Franz (UTFPR): A Tabacaria revisitada por Valter Hugo Mãe: A máquina de fazer espanhóis

Bruno da Silva Soares (UFRJ): Cartas insólitas e horríficas entre Mário de Sá-Carneiro e Fernando Pessoa

Gabriela Ventura (UFRJ): Performances festivas: Mário de Sá-Carnerio e Karen Blixen

Coordenação: MARCELO PACHECO SOARES

 

Mesa 10 – MODERNISMO E VANGUARDA NO BRASIL | Sala 218 C (Auditório Ismael Coutinho)

Wagner Fredmar Guimarães Júnior (UFMG): Vanguarda e crítica social em Marco Zero de Oswald de Andrade

Paloma Roriz (UFF): Pensar sobre as vanguardas, entre o contemporâneo e o tardio

Erick da Silva Bernardes (UERJ): Intervenções: o escritor-intelectual Graciliano Ramos em Memórias do cárcere

Coordenação: ANÉLIA PIETRANI

 

10h 30min – 11h | INTERVALO - Pausa café no segundo andar do Bloco C

 

11h – 12h | CONFERÊNCIA | Sala 405 B (Auditório Macunaíma)

 

JOANA MATOS FRIAS (Universidade do Porto): A cozinha futurista em Portugal

Apresentação: NÁDIA BATTELLA GOTLIB (USP)

 

12h – 14h | INTERVALO PARA ALMOÇO

 

14h – 15h 30min | MESAS SIMULTÂNEAS

 

Mesa 1 – PORTUGAL E O FUTURISMO | Sala 210 C

Daniel Marinho Laks (UFF): Expressão intersemiótica como autoconsciência histórica da modernidade em Almada Negreiros

Gilda Santos (UFRJ/RGPL): Do Futurismo outros exercícios de vanguarda: apud Jorge de Sena

Luis Maffei (UFF): O Futuro autodestrutivo

Coordenação: JORGE FERNANDES DA SILVEIRA

 

Mesa 2 – VANGUARDA: UM OLHAR SOBRE A CIDADE | Sala 218 C

Edson Rosa (UFRJ): As cidades tentaculares: uma pré-visão do futurismo

Silvio Renato Jorge (UFF): Vanguardas e autoritarismo: implicações políticas

Monica Figueiredo (UFRJ): A cidade como espetáculo: o romance oitocentista e o futuro que não se cumpriu

Coordenação: VINCENZO ARSILLO

 

Mesa 3 – PORTUGAL E AS VANGUARDAS | Sala 401 C

Rafael Santana (UFRJ): Mário de Sá-Carneiro: poeta cubo-futurista

Maria da Graça Gomes de Pina (Università di Napoli): Movimento e analogia em Souza-Cardoso

Ana Cristina Joaquim (USP): Será o Grupo do Café Gelo uma vanguarda?

Coordenação: PIERO CECCUCCI

 

Mesa 4 – ALMADA: UM FUTURISTA | Sala 407 C

Luci Ruas (UFRJ): Manifesto, manifestos – profissão de fé e poesia em Almada Negreiros

Mônica Genelhu Fagundes (UFRJ): Almada e a dança: gesto, forma e cor

Mariana Custódio (UERJ): Almada Negreiros e a plasticidade das palavras

Coordenação: ANNATERESA FABRIS

 

Mesa 5 – GESTOS VANGUARDISTAS NA NARRATIVA CONTEMPORÂNEA | Sala 501 C

André Corrêa de Sá (UFSCar): Uma ruga no tempo: ritmo e simultaneidade em crônicas de Lobo Antunes

Ângela Beatriz de Carvalho Faria (UFRJ): Lobo Antunes: limites da escrita ou de como dar corpo ao passado retido na memória

Alexandre Montaury (PUC-Rio): António Lobo Antunes e a escrita sismográfica

Coordenação: SIMONE PEREIRA SCHMIDT

 

Mesa 6 – EXERCÍCIOS FUTURISTAS | Sala 505 C

Marcos Rogério Cordeiro (UFMG): Futurismo e realismo na poesia de Oswald de Andrade

Ana Paula de Barros Jorge / Bernardo Pareto Miller (Colégio São Bento): A explosão das vanguardas sob o olhar dos jovens de hoje

Mirhiane Mendes de Abreu (Unifesp): Por um mosaico textual: o debate sobre o futurismo no Brasil

Coordenação: JORGE VALENTIM

 

15h 30min – 16h | INTERVALO - Pausa café no segundo andar do Bloco C

 

16h – 17h 30min | MESAS SIMULTÂNEAS

 

Mesa 7 – EXERCÍCIOS DE VANGUARDA | Sala 218 C (Auditório Ismael Coutinho)

Vanessa Cardozo Brandão (UFMG): Aventura do sujeito, a aventura literária: sobre a contemporaneidade de José Saramago

Viviane Vasconcelos (UERJ): “Como os manifestos hão de sobreviver ao século XXI?”: a atualidade de Almada Negreiros e de Mário de Andrade

Madalena Vaz Pinto (UERJ): Ficção tavariana: uma vanguarda para o século XXI?

Coordenação: ROBERTO VECCHI

 

Mesa 8 – MULHERES E VANGUARDA | Sala 401 C

Maximiliano Torres (UERJ): Feminismos e proletariado: o projeto vanguardista de Pagu no romance Parque industrial

Jorge Valentim (UFSCar): Ruptura e vanguarda homoerótica feminina: uma leitura de Sedução (1937), de José Marmelo e Silva

Simone Pereira Schmidt (UFSC): Negritude como um gesto vanguardista ou de como um gesto se desdobra para muito além do seu tempo

Coordenação: ALEXANDRE MONTAURY

 

Mesa 9 – EXERCÍCIOS POÉTICOS DE VANGUARDA | Sala 407 C

Sofia de Sousa Silva (UFRJ): Rés do chão

Luciana Salles (UFRJ): O enciclopedista é um fingidor: por uma nova teoria do conhecimento na era da pós-verdade

Cinda Gonda (UFRJ): Futurismo português: ponto e contraponto

Coordenação: MONICA GENELHU FAGUNDES

 

Mesa 10 – ESCRITAS DE VANGUARDA | Sala 212 B

Anélia Pietrani (UFRJ): Gilka Machado poeta moderna

Tatiana Pequeno (UFF): Llansol ainda e depois

Emerson Inácio (USP): Musas, não, Medusas: mulheres, futurismos e as periferias do cânone

Coordenação: BARBARA GORI

 

Mesa 11 – O BRASIL E AS VANGUARDAS | Sala 214 B

Maria Lucia Guimarães de Faria (UFRJ): Canto e plumagem da palavra rosiana: natureza, cosmos e formatividade

Eduardo Coelho (UFRJ): Manuel Bandeira: tradição e vanguarda

Marcelo Pacheco Soares (IFRJ): Murilo Rubião por Murilo Rubião: a poética muriliana num conto metalinguístico

Coordenação: ÂNGELA BEATRIZ DE CARVALHO FARIA

 

Mesa 12 – PESSOA, AUTOR (IN)ÉDITO | Sala 405 B (Auditório Macunaíma)

Jorge Uribe (USP): A hora do ‘Ultimatum’ e o olhar estrábico do Jano

Rita Patrício (Universidade do Minho): Projectos e circunstâncias

Pedro Sepúlveda (IELT/Universidade Nova de Lisboa): Entre o real e o potencial: uma edição digital de Fernando Pessoa

Coordenação: GILDA SANTOS

 

17h 30min – 18h | INTERVALO - Pausa café no quarto andar do Bloco B

 

ENCERRAMENTO

 

18h | Conferência de encerramento | Sala 405 B (Auditório Macunaíma)

 

ETTORE FINAZZI-AGRÒ (Università La Sapienza – Roma): Agora é a guerra: a relação Máquina/Natureza no Futurismo e no Modernismo

Apresentação: DIONÍSIO VILA MAIOR (Universidade Aberta)

 

19h | Sessão de encerramento

 

ORGANIZAÇÃO

EXPOSIÇÃO





PARCEIROS E APOIOS